Vai começar uma reforma? Saiba por onde começar!

Atualizado: há 6 dias





Se você vai começar uma reforma, é provável que esteja olhando para o espaço sem saber por onde começar ou mesmo o que dá para fazer ali.

Pensando nisso, separamos aqui tudo o que você precisa saber para dar início aos trabalhos e garantir um resultado bacana em menos tempo e aproveitando o seu orçamento.

Vamos começar?


Avalie o que você quer reformar e porque

Ao começar um projeto para um cliente ou mesmo quando se quer reformar o banheiro, os boxes são peças funcionais, que aliam beleza e funcionalidade.


Muitas vezes, ao pensar em reformar um ambiente, outras coisas podem surgir no caminho.


Por exemplo, pode ser que você queira dar uma geral na casa toda, em pequenos detalhes, ou que vá reformar um cômodo de cada vez.


Seja como for, é preciso definir muito bem isso antes de começar, para conseguir aproveitar o seu orçamento e evitar gastos desnecessários.


Até porque, existem aqueles que acabam se empolgando.

Daí, você pode ficar na dúvida de como fazer isso.

Então, você pode seguir as seguintes regras:


  • Defina o espaço daquela reforma;

  • Entenda qual o seu objetivo final em relação ao uso daquele ambiente;

  • Defina quais são as principais mudanças físicas a serem realizadas;

  • Avalie as mudanças decorativas.

Assim, pense que você vai reformar um quarto que tem em casa e que ele será o seu escritório.


Então, a mudança começa a partir da limpeza total do ambiente, deixando ele sem nada.


Depois, você define o que precisa fazer na estrutura, como tampar algum buraco, puxar tomadas, trocar a lâmpada e pintar paredes.


Importante

Definir um prazo para as reformas é válido.

Entretanto, se esse prazo não depende apenas de você, evite ficar frustrado definindo prazos muito curtos.

Se você precisa de um eletricista, por exemplo, converse com ele sobre quando o serviço ficará pronto.


Vai começar uma reforma? Fique de olho nos preços e planejamento.

Chegando ao segundo passo dessa lista, é hora de falar de dois assuntos importantíssimos para a sua vida: orçamento e tempo. Em primeiro lugar, saiba que tudo aquilo que você não sabe fazer ou não pode, outro precisará ser pago por tal trabalho. Portanto, você precisa fazer orçamentos com diferentes profissionais e escolher aquele que melhor atende as suas necessidades.


Em segundo lugar, é importante definir um orçamento para a reforma, principalmente em relação ao valor máximo. Logo, você vai definir o que será comprado ou como aquele dinheiro será usado. Em terceiro lugar, é preciso pensar em possíveis surpresas. Para facilitar, vamos pensar em um exemplo simples: a reforma do banheiro.

Para começar, o seu objetivo é melhorar o espaço e, para isso, vai trocar os azulejos e instalar um box que atenda as suas necessidades.


Logo, é preciso conhecer e fazer um orçamento de box. Avaliando o custo-benefício.

Mas não é só isso. Ao contratar um pedreiro para mudar o piso, você pode descobrir alguma área com mofo ou vazamentos. Assim, a dica é separar uma parte do seu orçamento para essas possíveis surpresas.


Se, no final da reforma, esse valor não for usado, você pode utilizar para decorar ou guardar para o próximo cômodo.

A partir disso, não deixe de planejar essa reforma, para saber quando você vai estar em casa, horários para os profissionais que vão te ajudar ou mesmo para você fazer pequenas coisas.

Isso funciona como um roteiro de obra.



Qualidade vem antes de quantidade